Só Para Touros

Ai ai ai ai

Tô numa fase sertaneja… breganeja… cornoneja… tanto faz. Fato. Tenho curtido umas modas de viola. hehehehehe

Aí, tava agorinha ouvindo esta abaixo, e até que a letrinha é bonitinha!!!

Anúncios

Vira e Mexe

Eu não me aquieto mesmo. Eu até aquietaria se encontrasse alguém capaz de manter-me entretida. Mas tá difícil isso. Continuo encontrando-me com Peixe, mas a coisa é tão ocasional (e a culpa não é exclusiva dele) que desanima-me. Quando eu posso, ele está enrolado no trabalho ou viajando. Quando ele me liga com tempo livre eu estou enrolada e sem tempo.

Outro dia estava conversando com o Lauro, via msn, e comentei com ele que eu precisava arrumar um “amante fixo”, porque estou cansada dessa busca. E quem é Lauro, afinal? Lauro é um amigo colorido e atualmente estamos “dando um tempo” porque ele foi morar em outro Estado, e isso inviabilizou nossos encontros. Ele é do meio swing, já tentou levar-me (e eu sempre escorrego, minha situação não permite tanta exposição), ele é lindo, inteligente, tentou casar e não deu certo e eu fui o ombro amigo para ele chorar as mágoas, ele vive dizendo que voltará a morar aqui perto e então voltaremos a nos encontrar. Então ele falou-me que tem um amigo que trabalha aqui, ou seja, mora aqui em dias de semana e em outra capital nos finais de semana, onde, nesta outra cidade, é um sujeito casado, porém também são eles swingers (eu conheço uma pá de gente desse meio). Perguntou se eu estava afim de falar com ele e eu disse que se o cara quisesse, poderia dar o meu msn para ele, o que foi feito na hora, pois todos estavam on-line e comecei a conversar com o Blue. Resolvi abrir exceção à regra sobre não envolver-se com caras comprometidos visto que o casal é do meio liberal e que ela não mora na mesma cidade que eu, e então fui conhecê-lo. Ele é bonito, atraente, inteligente, bem-humorado, tem uma pegada gostosa e eu estou aprendendo a gostar de barba, ele usa e fica um charme (além de ser bonita e bem cuidada e blá-blá-blá e vai por terra mais um conceito meu).

Apesar de tudo estar dando certo, deve ter alguma uruca em cima de mim… Devido às nossas “agendas”, o melhor dia para vermo-nos com tranqüilidade é a segunda-feira, no entanto a bruxa anda solta: numa segunda o voo atrasou e ele chegou aqui somente a noite, na outra foi infelizmente marcada uma reunião, na outra eu estava “naqueles” dias e tive contratempos com minha filha e nesta semana ele foi enviado a outra cidade, logo não veio para cá. Isso é tão desanimador que às vezes penso em desistir do Blue e continuar procurando alguém que seja mais disponível.

Uma das coisas que eu e Blue fazemos bastante via msn é ficar trocando músicas no Youtube. Ando fuçando tanto este site para encontrar músicas que gosto, que acabo encontrando outras que eu não conhecia ou não lembrava existirem. Uma das quais estou no momento apaixonada é esta do Oswaldo Montenegro:

Alívio Imediato

 

O melhor esconderijo, a maior escuridão
Já não servem de abrigo, já não dão proteção
A Libia bombardeada, a libido e o virus
O poder o pudor os lábios e o batom

O melhor esconderijo, a maior escuridão
Já não servem de abrigo, já não dão protecão
A Libia bombardeada, a libido e o virus
O poder o pudor os lábios e o batom

Que a chuva caia como uma luva
Um diluvio um delirio
Que a chuva traga alivio imediato
Que a noite caia de repente caia
tão demente quanto um raio
Que a noite traga alívio imediato

Há espaço pra todos ha um imenso vazio
Nesse espelho quebrado por alguém que partiu
A noite cai de alturas impossíveis
E quebra o silêncio e parte o coração

Ha um muro de concreto entre nossos lábios
Ha um muro de Berlin dentro de mim
Tudo se divide todos se separam
Duas Alemanhas duas Coreias
Tudo se divide todos se separam

Que a chuva caia como uma luva
Um dilúvio um delírio
Que a chuva traga alívio imediato
Que a noite caia de repente caia
tão demente quanto um raio
Que a noite traga alívio imediato

Todos se separam
Tudo se divide
Todos se separam

Que a chuva caia como uma luva
Um diluvio um delirio
Que a chuva traga – alívio
Que a noite caia de repente caia
tão demente quanto um raio
Que a noite traga – alívio

Alívio Imediato – Engenheiros do Hawaii

Sai Dessa Vida

Música do momento:

 

Transas

 

Transas – Nico Rezende

 

Tanto tempo faz que a gente transa
E não se conversou
Tanto vício, tanta fuga pra saber
Se é amor

Sei que você pensa que passa e vai…
Só transas…

Faz de conta que não se quer mais
É transa e tanto faz
Quando se quer mais
A gente diz ‘bye bye’
A gente quer mais
E finge que satisfaz

É moderno, é certo, sei que muitos querem
Essa forma de amor
Se chega perto, é certo, sem paixão
Mas também sem dor

A gente pensa que isso passa e vai…
Só transas…

Faz de conta que não se ama mais
É transa e tanto faz
E quando se quer mais
A gente diz ‘bye bye’
A gente quer mais
Mas finge que satisfaz

 

*
Ouvi no carro ontem e pergunto-me hoje: é só transa e nada mais? É isso mesmo que queremos? É bom, é moderno, não tem dor, mas é só isso mesmo? Às vezes eu também quero a dor…

Chora Coração!!!

Como eu adoro uma maldadezinha e uma gozação (opa!!) básica, achei uma música divertida para o dia de hoje. Divirta-se com a letra, para bom entendedor, meia palav…

“Não era pra você se apaixonar
Era só pra gente ficar,
Eu te avisei
Meu bem eu te avisei.
Você sabia que eu era assim
Paixão de uma noite
Que logo tem fim
Eu te falei
Meu bem eu te falei
Não vai ser tão fácil assim
você me ter nas mãos
Logo você que era acostumada a brincar com outro coração
Não venha me perguntar
Qual a melhor saída
Eu sofri muito por amor
Agora eu vou curtir a vida
Chora, me liga
Implora o meu beijo de novo
Me pede socorro
Quem sabe eu vou te salvar
Chora, me liga
Implora pelo meu amor
Pede por favor
Quem sabe um dia eu volto a te procurar”

Whit Her I Die

Simplesmente AMO esta música. Não tem como descrever o quanto envolve-me.

 

Whit Her I Die

Poisonblack

 

Her sharpened nails in my flesh make me crave for more
Her chilling cold caress makes me feel so warm
She’s my addiction, the one… the one I love, my whore
She’s my redemption, the one… the one I hate and adore

And with her I die
And for her I die
She’s my mistress of pain

I burn in flames of lust… I covet, I crave, I desire
In her I lay all my trust as the flames grow higher
She’s my addiction, the one…the one I love, my whore
She’s my redemption, the one… the one I hate and adore

And with her I die
And for her I die
and therefore I sigh, she’s my mistress of pain